quinta-feira, 27 de novembro de 2014

JV MANAUS - 1ª Corrida contra o Preconceito será realizada neste domingo



A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), irá realizar neste domingo, 30, a primeira edição da Corrida contra o Preconceito, que terá início às 17h, na Avenida Coronel Teixeira, bairro Ponta Negra, zona Oeste. O evento conta, ainda, com o apoio da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel).
De acordo com os organizadores da competição, a prova tem por objetivo reforçar as ações em torno do Dia Mundial de Combate à Aids, comemorado no dia 1º de dezembro, além de chamar a atenção da população sobre a importância de combater o preconceito contra os portadores da doença.
Kits
A entrega dos kits, compostos por camisa, número de identificação, boné, chip retornável, folder e mapa geral do percurso e instalações, ocorrerá no período de 27 a 28 de novembro, das 8h às 12h e das 14h às 17h, e das 9h às 12h no dia 29 de novembro, na Fundação Vila Olímpica (FVO), localizada na Avenida Pedro Teixeira, n° 400, bairro Dom Pedro, zona Centro-Oeste de Manaus.
Será necessário, no momento da retirada dos kits, apresentar documento original com foto e entregar dois quilos de alimentos não perecíveis, exceto sal e açúcar, que serão posteriormente doados às pessoas de baixa renda que possuem o Vírus da Imunodeficiência Humana, do inglês Human Immunodeficiency Virus (HIV). 





Percurso
Aproximadamente 1,2 mil inscritos, de ambos os sexos, incluindo pessoas com deficiência, terão como desafio um percurso de 4 km, com largada e chegada no Anfiteatro do Complexo Turístico Ponta Negra. A concentração está marcada para as 15h, com previsão de início da prova às 17h. Todos os competidores que concluírem a prova receberão medalhas de participação.
“Mais uma vez a Semjel apoia um avento de grande importância para a nossa cidade. Estamos animados em fazer parte dessa luta contra o preconceito às pessoas portadoras do HIV. Para vivermos em sociedade é necessário respeitar as diferenças”, ressaltou o secretário da Semjel, Elvys Damasceno.


0 comentários:

Postar um comentário