sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

JV MANAUS - José Melo inaugura primeiro terminal do país de verificação de veículos que transportam cargas pesadas e explosivas



O governador do Amazonas, José Melo, inaugurou nesta sexta-feira, 19 de dezembro, o primeiro terminal padrão do Brasil na fiscalização de veículos de transporte de cargas pesadas e explosivas, como combustível. O novo Terminal Carlos Alberto Araújo, do Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM), traz ganhos na qualidade dos serviços e na segurança para as cargas. Por ano, a expectativa é que sejam vistoriadas mais de 30 mil caminhões e quatro mil táxis.

O terminal amplia a capacidade de atendimento do Ipem-AM e, por ser o primeiro do tipo no Brasil, deve servir de modelo para os demais Estados. “Os equipamentos que transportam produtos explosivos e pesados precisam ser vistoriados continuamente para que estejam em perfeitas condições. O Estado sai na frente. É o primeiro do Brasil e acredito que daqui para frente esse modelo será adotado pelos demais Estados, pois além da modernidade oferece mais segurança”, afirmou o governador.





O novo terminal do Ipem-AM vai fiscalizar cargas perigosas por meio de inspeção de itens de segurança em veículos que transportam produtos derivados de petróleo, como álcool, diesel e gasolina, bem como a capacidade de seus tanques. Outra vistoria é no cronotacógrafo, o equipamento que registra a velocidade, o tempo e a distância, considerado a caixa preta dos veículos. Caminhões que fazem o transporte de areia, seixo, pedra e outras cargas sólidas também passarão a ser vistoriados no novo laboratório, que agrega o espaço para atendimento aos taxistas.

Antes do laboratório, a atividade de verificação era desenvolvida em espaços dentro das instalações das próprias empresas, o que gerava desconforto e questionamento por parte dos órgãos de controle. De acordo com o diretor-presidente do Ipem-AM, engenheiro Márcio André Brito, o espaço vai funcionar de segunda à sexta-feira, das 8h às 19h. E no sábado, das 8h ao meio dia. “Essa extensão de horários também será importante. A indústria alegava que pela manhã os caminhões estavam ocupados e não podiam ser inspecionados. Agora, eles terão tempo maior para fazer isso”, disse.

O diretor-presidente do Ipem-AM ressalta que o terminal vai incorporar sistemas de fiscalização mais modernos, evitando filas e a demora na prestação do atendimento. “Desta forma, iremos realizar os serviços com mais qualidade e segurança”, destacou.

A área total do terminal é de 7.500m2, sendo 1.000m2 de área construída. O terreno foi cedido pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa). O INMETRO participou da iniciativa com apoio técnico para a construção do laboratório. O Terminal Carlos Alberto Araújo funciona na avenida Flamboyant, no Distrito Industrial II, zona sul da capital.

0 comentários:

Postar um comentário