segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Atual prefeito de Coari entrega carta de renúncia à Câmara Municipal


irmaos

O padre “redentorista”, Igson Monteiro da Silva (PMDB), vice-prefeito de Coari, que ontem dia 8, completou um ano como prefeito desde a prisão do chefe do executivo Adail Pinheiro, encaminhou nesta segunda-feira ao vereador Adinamar Maciel Guimarães, presidente em exercício da Câmara Municipal, carta renunciando o mandato de vice-prefeito.
O padre prefeito renuncia ao mandato de vice-prefeito, exatamente um dia após completar 1 ano à frente da Prefeitura de Coari, no exercício do mandato. Igson, diz na carta que a decisão é pessoal e não decorre de qualquer fato ou ato ocorrido na administração municipal.  A carta de renúncia de Igson Monteiro, foi protocolado às 11:15h, na Câmara Municipal de Coari.
Com a renúncia de Igson Monteiro o irmão dele, o vereador Iliseu Monteiro, o “Bat”, presidente da Câmara Municipal de Coari, deverá assumir a administração municipal.
Quebra-quebra em Coari
No dia 14 do mês passado, um grupo de moradores de Coari (a 363 quilômetros de Manaus) foram para as ruas do município e promoveram um verdadeiro quebra-quebra na cidade, chegando inclusive a invadir casas de políticos e depredar órgãos públicos, assim como veículos nas ruas. Uma das casas invadidas foi a do prefeito em exercício Igson Monteiro (PMDB).

blogdafloresta.com.br

0 comentários:

Postar um comentário