segunda-feira, 29 de junho de 2015

JV MANAUS - Defesa Civil vistoria ruas alagadas do Centro



A Defesa Civil de Manaus realizou na tarde do último domingo, 28,  vistoria em ruas alagadas do Centro na tentativa de minimizar o impacto das águas do rio Negro. Foram cinco vias vistoriadas na área comercial, onde foi constatado um grande acúmulo de lixo. A ação contou com a presença de representantes da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) e da empresa Enzinip.
Foram atendidas a Avenida Eduardo Ribeiro (próximo à Praça do Relógio), a Avenida Joaquim Nabuco, a Rua dos Barés, a Rua Guilherme Mor

eira e a Rua Barão de São Domingos, onde a água  alcançou 400 metros da via, prejudicando os lojistas e feirantes da Feira Manaus Moderna.
Técnicos da empresa Enzinip acompanharam a vistoria para avaliação e aplicação de produto nos locais afetados para o combate de bactérias e resíduos causadores de odor.
Também para minimizar o odor, a Semulsp realiza diariamente a limpeza das vias públicas alagadas. A Seminf irá realizar o vedamento do sistema de drenagem para impedir o refluxo da água - mesma medida tomada no retorno do Parque dos Bilhares.
Foi identificada, ainda, uma grande concentração de mosquitos nos locais vistoriados, onde a Defesa Civil irá solicitar uma ação da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) para o controle de vetores e pragas.
Nesta segunda-feira, 29, o Porto de Manaus registra a cota do rio Negro de 29,66m.

0 comentários:

Postar um comentário