quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

José Melo afirma em Encontro de Gestores e Técnicos da Assistência Social que união dos entes federados é fundamental para êxito das ações sociais



Nesta quarta-feira (15), o governador do Amazonas, professor José Melo, ressaltou a importância da união entre os entes federados para que a Política Nacional de Assistência Social tenha êxito pleno. “Nós temos que dar as mãos – prefeituras, governo do Estado e governo Federal – porque se somarmos esforços vamos mais longe e aquele que precisa do nosso trabalho será atendido de forma mais rápida e eficaz”.


A afirmação foi feita durante o terceiro dia de atividades do III Encontro Estadual de Gestores e Técnicos da Assistência Social, que se estende até a próxima sexta (17), no auditório “Dorinha Prado” (avenida Darcy Vargas, nº 77, bairro Chapada, zona centro-sul). O evento é destinado aos secretários municipais da assistência social e técnicos de referência e tem como finalidade a capacitação para a organização, estruturação e financiamento do Sistema Único de Assistência Social (Suas).

Melo elogiou o trabalho desenvolvido pelos secretários e técnicos da assistência social no interior do Estado. “Os gestores e técnicos municipais são uma espécie de anjos da guarda do social. É com ajuda desses profissionais que os nossos usuários conseguem alcançar as políticas públicas”, frisou.

Prestação de contas – Este terceiro dia de evento também contou com presença do secretário municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos, Elias Emanuel, e da diretora executiva do Fundo Nacional de Assistência Social, Dulcelena Alves, representando o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), que abordou o tema “Perspectivas, Desafios e Avanços na Gestão e Financiamento do Suas”.

“O que trazemos de alerta para os novos gestores, é que tomem consciência de conhecer o que foi executado pela gestão passada, fazer conciliação de todas as contas e organizar suas documentações, pois em março, o Ministério vai disponibilizar o sistema para a prestação de contas”, informou a diretora.

Mudanças – Durante o evento, ainda foi apresentada a estrutura organizacional da Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas). Na ocasião, a secretária executiva da Seas, Jane Mara Moraes, falou sobre as mudanças na Secretaria, conforme a Política Nacional de Assistência Social.

“Cinco anos atrás, a Seas executava projetos de proteção social básica, que não eram da sua obrigatoriedade, mas da competência do município de Manaus. Hoje, os recursos estão direcionados à proteção social especial, ou seja, destinados às famílias e indivíduos que requerem acompanhamento individual e maior flexibilidade nas soluções protetivas”, informou Jane Moraes.

A iniciativa de apresentar a nova estrutura da Seas é fazer com que os gestores municipais da assistência também promovam mudanças que vão desde a nomenclatura das secretarias até o desenvolvimento de serviços, programas e projetos voltados à população que vive em situação de vulnerabilidade social.

Atividade de encerramento – O III Encontro Estadual de Gestores e Técnicos da Assistência Social encerra no dia 17, com a apresentação dos novos membros do Colegiado Estadual de Gestores da Assistência Social (Coegemas) e da Comissão Intergestores Bipartide (CIB/AM).

0 comentários:

Postar um comentário