sexta-feira, 5 de maio de 2017

Deputado David Almeida toma posse nesta sexta ao cargo de governador



acritica.com Manaus
O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) David Almeida (PSD) toma posse nesta sexta-feira (05) ao cargo de governador para comandar o Estado durante a eleição suplementar que custará cerca de R$ 17 milhões em decorrência da cassação, nesta quinta, dos mandatos do governador José Melo (Pros) e Henrique Oliveira (SD) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

Por  5 votos a 2, os ministros do TSE mantiveram decisão emitida em janeiro do ano passado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) que cassou  Melo e Henrique por compra de votos. E determinaram nova eleição, que poderá ter dois turnos caso um dos candidatos não alcance mais de 50% dos votos válidos no primeiro turno. O TRE-AM foi comunicado da decisão e já está tomando as primeiras providências para cumprir a decisão do TSE.
Deputado faz parte do grupo político de Omar
Do grupo político do senador Omar Aziz (PSD) e do governador cassado José Melo (Pros), o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), David Almeida,  é bacharel em Direito. Começou a carreira política em 2006 quando foi eleito deputado estadual. Está no   terceiro mandato consecutivo.
O primeiro mandato  disputou pela Coligação Amazonas Melhor (PTN, PSC, PAN e PTC), eleito com 7.569 votos. O segundo em 2010, pela Coligação Avança Amazonas (PRB, PP, PMDB, PSC, PRTB, PHS, PMM) com 24.479 votos.  E o mandato atual conquistado em 2014, pela Coligação (PROS, PSD, PSDB, PSC), conquistou 24.189 votos.
Neste mandato assumiu a Liderança do Governo junto ao Poder Legislativo, assim como, a Liderança do PSD e a 2ª Vice-presidência da casa pelo período de 2015/2016.  E foi eleito presidente  em 20 de dezembro de 2016 com 17 votos.
Ontem, por meio do setor de comunicação da ALE-AM, Almeida disse que acompanha o desenrolar da situação que envolve o governo do Estado  e espera a comunicação oficial para que se manifeste institucionalmente.


0 comentários:

Postar um comentário