sexta-feira, 9 de junho de 2017

Eduardo Braga e ministro da Defesa debatem expansão do Amazônia Conectada




Em reunião com o ministro da Defesa, Raul Jungmann, nesta quinta-feira (08/06), o senador Eduardo Braga (PMDB/AM) sugeriu que já fossem disponibilizados aos cidadãos do interior amazonense todos os benefícios do Amazônia Conectada.
Administrado pelo Exército, o programa foi concebido para expandir as comunicações na Amazônia Ocidental por meio de cabo de fibra ótica. Com isso, serão garantidos serviços como internet, telemedicina e educação à distância, entre outros.


Até agora, já foram instalados 900 quilômetros de cabo. Ele parte de Manaus e já alcança Manacapuru, Coari, Novo Airão, Iranduba e Tefé. “O programa, no entanto, ainda não chegou ao cidadão. Poderia ser feito um chamamento público para contratar um operador local”, afirmou o senador. 

Entusiasta do programa, Eduardo Braga solicitou ao ministro a imediata inclusão de Anori, Anamã, Codajás e Caapiranga à iniciativa, pois estão no mesmo percurso dos municípios já conectados. “Estaríamos, assim, dando aos mais de 72 mil habitantes desses locais o benefício da fibra ótica”, disse ele, que sugeriu também o prolongamento do cabo de Tefé até Tabatinga ainda este ano. 

Sensível às demandas do senador amazonense, Raul Jungmann determinou a elaboração de um estudo para viabilizar a ampliação
do Amazônia Conectada. “Trata-se de uma solução fabulosa”, declarou.

0 comentários:

Postar um comentário