quarta-feira, 25 de abril de 2018

#Libertadores: tudo o que você precisa saber sobre Santa Fe x Flamengo



O Flamengo, líder do grupo 4, com cinco pontos - cinco gols marcados contra três do River Plate, empatado na ponta da tabela. A situação pareceria confortável não fosse o histórico recente do Rubro-Negro em primeira fase da Libertadores e o desempenho irregular nas últimas partidas. Nesta quarta-feira, contra o Independiente Santa Fe, em Bogotá, às 21h45 (de Brasília), o time da Gávea entra pressionado.

Com dois jogos fora de casa e apenas mais um no Rio de Janeiro, o Flamengo já liga o alerta. Os últimos dias foram de protestos. Os muros da Gávea foram pichados, e alguns torcedores cobraram a delegação no embarque para Bogotá.
A equipe precisa recuperar os pontos perdidos nos empates contra o River Plate e diante do mesmo Santa Fe na última semana. O técnico Mauricio Barbieri fez mistério para a partida, mas deve ter o retorno de Diego.


Técnico: Mauricio Barbieri
O treinador ainda decide a melhor formação. A tendência é a manutenção da base do time, mas com meio de campo mais fechado. A entrada de Willian Arão ou Jonas é uma possibilidade. Neste caso, Éverton Ribeiro pode ir para o banco de reservas.
Outro adversário será a altitude de 2.610 metros. Não chega a ser das piores, mas pode causar prejuízos. O Santa Fe costuma se aproveitar. Bogotá está frio e chove bastante. Na hora do jogo é possível que os termômetros estejam abaixo de 10 graus.

Quem está fora: Rhodolfo, Felipe Vizeu e Berrío (lesionados); Guerrero (suspenso pela Fifa).



INDEPENDIENTE SANTA FE
Técnico: Agustín Julio

Terceiro colocado no grupo, o time colombiano busca a primeira vitória na competição com a mesma escalação que veio ao Maracanã na última semana. O jogador mais badalado é o atacante Morelo, artilheiro da Libertadores com oito gols e autor do gol de empate contra o Flamengo.


O árbitro Daniel Fedorczuk, do Uruguai, apitará o confronto. Ele será auxiliado por Richard Trinidad e Miguel Nievas, também uruguaios.


0 comentários:

Postar um comentário