sábado, 4 de julho de 2015

JV ESPORTES - Começa neste sabado o Campeonato atalaiense de futsal 2015



A Prefeitura de Atalaia do Norte, por meio da Coordenação Municipal de Esportes, realiza neste Sábado (4), abertura do Campeonato Atalaiense de Futsal 2015. O evento esportivo contará com a participação de equipes tradicionais do futsal atalaiense. A abertura do Certame está marcado para as 17 horas, no Ginásio principal, ao lado da Prefeitura Municipal.

Governo do Amazonas entrega patrulhas agrícolas e lança serviço de comunicação direta com produtor rural



O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria Estadual de Produção Rural e Sustentabilidade (Sepror), entregou, na manhã desta sexta-feira, 3 de julho, 26 patrulhas agrícolas que vão servir para o trabalho de mecanização das lavouras e escoamento da produção de mais de 700 famílias de produtores rurais do interior do Estado. A solenidade de entrega aconteceu na Superintendência Federal da Agricultura no Estado do Amazonas, bairro Adrianópolis, zona centro-sul de Manaus, e contou com a presença do vice-governador, H
enrique Oliveira, parlamentares e autoridades dos municípios beneficiados pelos equipamentos.

O vice-governador destacou que o investimento faz parte do plano de trabalho do governador José Melo de levar mais desenvolvimento para o interior do Amazonas. “Essa é mais uma demonstração que as propostas de desenvolvimento do nosso Estado da gestão do governador José Melo estão sendo executadas, como a valorização do setor primário e de quem coloca os alimentos na mesa de todos nós, como é o caso dos produtores rurais amazonenses. Precisamos fortalecer cada vez mais os 61 municípios, levando condições para que os produtores desenvolvam seus trabalhos com excelência e, assim, fixando essas famílias no interior”, enfatizou.

JAMBO VERDE - Sem idade para crimes



Quem assiste às sessões da Câmara dos Deputados tem todo direito de não acreditar na evolução deste país. É de doer perceber o despreparo de quase todos os representantes do povo para enfrentar determinadas matérias com serenidade e domínio. Está sendo assim com a diminuição da maioridade penal.
Na sociedade dois blocos se formaram; os favoráveis e os contrários. No Congresso são vários grupos, a maioria varia entre os quase contra e os quase a favor.  É o muro funcionando.
Quem é a favor, basta apresentar o número de atrocidades praticadas por menores e a correlação com penas brandas, com no máximo três anos de internação, quase nunca cumpridos integralmente.
Os contrários têm uma vasta relação de justificativas, que podem ser incluídas no velho e batido clichê de que “quem quer resolver sempre arruma um jeito,  quem não quer arruma uma desculpa”.
Alegam, principalmente, que os menores vão para cadeias que são verdadeiras escolas do crime. Dentre estes, está o ministro da Justiça.  Numa sociedade mais reativa, esse ministro não ficaria no cargo com um argumento desses.  Bastaria indagar-lhe de quem é a responsabilidade pela construção, pelos “alunos e professores” e funcionamento geral dessas escolas. 

quinta-feira, 2 de julho de 2015

Sandra Braga cobra, da tribuna do Senado, solução definitiva para o CBA



A senadora Sandra Braga (PMDB-AM) subiu à tribuna do Senado na tarde desta quinta-feira (2 de julho) para cobrar uma solução estrutural e definitiva para o Centro de Biotecnologia da Amazônia (CBA). Ela lembrou que a ameaça de encerramento das atividades do CBA provocou justa reação do mundo da ciência e da tecnologia de todo o País e que, diante disso, o governo federal também agiu. Destacou, no entanto, que a fórmula adotada não resolve a questão do Centro. 

O governo transferiu parte da gestão do CBA da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) para o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, o Inmetro. Mas a senadora ouviu pesquisadores do próprio Centro e saiu convencida de que o verdadeiro lugar do CBA na estrutura do Governo Federal é o Ministério da Ciência e Tecnologia, preferencialmente no Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, na Embrapa ou na Universidade Federal do Amazonas. 

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Ao empossar Pedro Elias como novo titular da Susam, José Melo diz que ajustes não afetarão serviços de saúde



O governador do Amazonas, José Melo, deu posse nesta quarta-feira, 1º de julho, ao secretário de Estado da Saúde, Pedro Elias de Souza, traçando como metas para o novo gestor avançar no aperfeiçoamento e melhoria dos serviços prestados à população. De acordo com o governador, os ajustes impostos pela situação da economia brasileira e a queda na arrecadação com o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que no primeiro semestre acumula perdas reais de R$ 303 milhões, não afetarão investimentos planejados para o setor no Estado, como a construção do Hospital da Zona Norte.

José Melo enfatizou que os ajustes na saúde não devem atingir o nível dos serviços, nem reduzir a quantidade e a qualidade dos atendimentos. “Vamos reunir com cada cooperativa para fazermos a redução de custos sem que haja prejuízo. Não quero que haja redução nas cirurgias, nos exames, nem em qualquer tipo de serviço. Vamos fazer uma gestão otimizada para ajustarmos as contas sem interromper serviços ou diminuir em qualidade”, afirmou o governador.

JAMBO VERDE - Plano Municipal de Educação de Atalaia do Norte é aprovado pelo Poder Executivo



A Prefeitura de Atalaia do Norte, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), informa que o Plano Municipal de Educação (PME) foi sancionado pelo prefeito Nonato do Nascimento Tenazor e já está em vigência desde o dia 19 de junho de 2015.
A Semed, através da sua equipe técnica e comissão coordenadora de elaboração do PME, apresentou no Poder Legislativo Municipal, o Plano de Educação que será utilizado até 2025. Como não houve a presença de todos os vereadores da casa, o texto foi aprovado automaticamente, conforme regimento interno. 

 Quem explica a decisão é o vereador Renato Tenazor (PDT), que afirmou que apenas nove vereadores compareceram para a Sessão Plenária Extraordinária.
 “Para a aprovação texto, é necessária a presença de dois terços dos vereadores. O Regimento diz que abaixo desse número, o texto em discussão deve ser aprovado automaticamente, pelo fato de ser matéria de relevância, mas para ser aprovado definitivamente e tornar-se Lei, deve passar pela sanção do prefeito municipal”, disse.

JAMBO VERDE - Atalaia do Norte é contemplada com a segunda fase do Programa Luz para todos



O Prefeito de Atalaia do Norte, Nonato Tenazor (PDT), esteve em Manaus e participou de uma reunião com Valdelino Cavalcante, Coordenador do Programa Luz para Todos, no Estado do Amazonas. O prefeito discutiu a continuidade da implantação da segunda fase do Programa Luz para Todos, nas comunidades que ficam nas calhas dos rios Itacoai e Javari. No encontro foi decidido que o programa terá continuidade na região.
Já em Atalaia do Norte, os moradores da comunidade de São Pedro da Aldeia receberam a notícia com alegria, já que o andamento da implantação do Programa Luz para todos terá continuidade. Em reunião com os representantes da Prefeitura de Atalaia do Norte, foi discutida com os presidentes e comunitários a forma de trabalho para a abertura das vicinais onde irá passar o linhão que levará energia à população ribeirinha.

terça-feira, 30 de junho de 2015

TFD Intermunicipal poderá elevar repasses federais nos municípios, diz Ricardo Nicolau



O deputado estadual Ricardo Nicolau (PSD) entregou nesta terça-feira, 30 de junho, a prefeitos membros da Associação Amazonense d
e Municípios (AAM) um conjunto de minutas que orientam sobre como regulamentar o programa de Tratamento Fora de Domicílio (TFD), em nível Intermunicipal, nas secretarias de saúde dos municípios.
Entre os benefícios da implantação do programa, o parlamentar destacou a possibilidade de aumento no repasse de recursos financeiros federais. “Existe uma necessidade urgente em todos os municípios de uma maior participação da União nas despesas da saúde. Com o TFD Intermunicipal, a ideia é compartilhar essa responsabilidade entre as duas esferas de governo”, explicou.
Por meio do TFD Intermunicipal, pacientes que vivem no interior e, comprovadamente, necessitam de tratamento médico em outro município com distância mínima de 50 quilômetros terão acesso ao programa. Gastos com transporte, alimentação e estadia deverão ser compartilhados entre prefeituras e governo federal.

Governador José Melo sanciona novo Plano Estadual de Educação e anuncia pacote de leis para reduzir burocracia para investidores privados



O governador do Amazonas, José Melo, sancionou nesta terça-feira, 30 de junho, o novo Plano Estadual de Educação, que contém um conjunto de 22 metas para melhorias na qualidade de ensino da rede pública na próxima década. Entre as medidas para avançar nos indicadores educacionais, está o “Todos Pela Vida-Educação”. As regras do programa, que visa fortalecer nas escolas a rede de proteção aos jovens contra a criminalidade, foram sancionadas pelo governador e estabelecem, ainda, maior autonomia para as mais de 580 escolas da rede estadual na aplicação e gestão de recursos.

O novo plano foi sancionado pelo governador em ato realizado na sede do Governo do Estado, no bairro da Compensa II, zona oeste de Manaus, com a presença do vice-governador, Henrique Oliveira. Durante a solenidade, José Melo anunciou um pacote d

Defesa Civil do Estado envia ajuda humanitária para o Baixo e Médio Amazonas, as últimas calhas afetadas pelo ciclo da enchente



A Defesa Civil do Estado enviou 20 toneladas de alimentos, além de kits medicamentos e hipoclorito de sódio, para Maués, no Baixo Amazonas, e Autazes, na calha do Médio Amazonas, que seguem em Situação de Emergência com mais de 20 mil afetados por conta da enchente. 
“Por se tratar do terceiro e último ciclo da cheia no Estado, os municípios das calhas do Baixo e Médio Amazonas estão sendo os últimos a receber ajuda humanitária”, afirmou o secretário adjunto da Defesa Civil do Estado, Hermógenes Rabelo.
Para Maués, que teve o pedido de Emergência homologado pela Defesa Civil do Estado no dia 18 de junho, foram destinadas dez toneladas de socorro, e a cidade ainda deverá receber novas etapas de ajuda.
“A população da área rural é a mais afetada pela cheia, e esse apoio do Governo é fundamental para essas famílias”, destacou o representante de Maués em Manaus, Aldemir Bentes.